Com o lançamento de Vingadores – Era de Ultron, a Marvel Studios praticamente encerra a segunda fase do seu universo nos cinemas, “praticamente” porque ainda falta a estreia de Homem-Formiga. Contudo, se você pensa que só na telona poderá ver os personagens da editora, não se engane, o estúdio também investe na TV, abrangendo o universo ainda mais. Assim temos séries como Agents of S.H.I.E.L.D. e Agent Carter com as histórias já estabelecidas em grandes emissoras, porém não o bastante.   Através de mais um projeto ambicioso, o estúdio desenvolve, em parceria com a Netflix, um novo grupo de heróis, os Defensores. Cada integrante deste grupo terá sua própria temporada para depois unir todos em uma única série, e quem sabe ajudar os Vingadores no cinema.

 

Devil4

 

A estreia deste projeto não poderia ter sido melhor: Demolidor é a prova de que a Marvel também sabe ser sombria. A série é mais próxima da franquia Batman de Nolan do que os divertidos filmes da Marvel. A diferença entre este personagem e o homem morcego cinematográfico é que a violência não precisa ser censurada para privilegiar crianças de trezes anos. É a liberdade que a TV proporciona, neste caso o streaming, junto com a coragem da produção de fazer algo maduro e fiel ao mundo que o protagonista está inserido.  O interessante é que a série não abandona o universo criado até agora e, em vários momentos, faz referências sobre os Vingadores. Aliás, enquanto o super grupo está ocupado com alienígenas, robôs e conflitos políticos, existem outros problemas urbanos que precisam ser resolvidos como tráfico, assaltos, estupros, assim por diante. Para eles, as pessoas precisam de um herói que saiba a realidade em que elas vivem, e é neste cenário que entra o advogado Matt Murdock (Charlie Cox) que, ao retornar para sua antiga cidade Hell’s Kitchen, se vê compelido em ajudar as pessoas tanto dentro quanto fora da lei. Um herói local.

 

MARVEL'S DAREDEVIL

 

Apesar de ser cego, Murdock usa seus poderes como super audição e uma incrível habilidade de luta para quebrar muitos ossos (nunca matar, só deixar o bandido em coma) no combate contra o crime. Vale a pena destacar o cuidado que a produção tem com a linguagem cinematográfica em representar o mundo desfocado de Murdock quando o mesmo se concentra em um específico som ou quando na câmera lenta para realçar a percepção que se tem dos movimentos do oponente. Não é só no roteiro que a série se destaca, apresentando uma produção técnica impecável. As cenas de lutas são cruas, selvagens e impactantes. Hematomas pelo corpo não é nada comparado ao que ele sofre, e olha que Murdock apanha muito antes de vencer alguns inimigos, sendo levado ao limite físico (confesso que em algumas sequências fiquei cansado pela demora de eliminar alguns capangas sem importância). Esse compromisso com a realidade é levado ao seu auge em planos-sequências que vão ganhar qualquer um que ainda está com o pé atrás com a série.

 

Devil5

 

Como todos sabem, um grande herói não é nada sem um grande vilão, e o Rei do Crime/Wilson Fisk de Vincent D’Onofrio é um antagonista de encher os olhos. Fascinante por sua complexidade e com um tempo maior para desenvolver o personagem, Fisk recebe uma camada de profundidade que torna verossímil suas decisões, mesmo que elas sejam reprováveis. Um homem que transmite uma áurea de confiança e é assustador quando revela sua face agressiva. Um verdadeiro demônio neste inferno. O elenco secundário composto por Foggy Nelson (Elden Henson), Karen Page (Deborah Ann Woll) e Claire Temple (Rosario Dawson), além de outros, não ficam sobrando na história e conseguem ser responsáveis por ótimas sub-tramas que só reforçam a história principal. Uma história que reflete e discute sobre a linha tênue do que é certo e errado, do bem e mal, se os meios realmente importam quando se há justiça em prol dos menos favorecidos.

 

Devil6

 

Demolidor continua o nível de qualidade excelente da Netflix, além de ter vida própria e não precisar sustentar-se pelo peso do nome da Marvel. Deste modo, um novo universo cheio de possibilidades surge para o estúdio. Um mundo escuro e sem medo.

 

04-otimo

 

Trailer: