BruxasA lenda das bruxas de Salém é até hoje repercutida. Ilustrando o episódio gerado por volta de 1690, devido a credulidade e superstição dos moradores locais da cidade local em Massachusetts.
 
Conta-se que após histórias místicas contadas por uma escrava africana em um noite dessa data, várias garotas no povoado tiveram pesadelos relacionados aos contos. Um médico supostamente as examinou e sugeriu que elas provavelmente estivessem sob influencia de bruxaria.
 
Começou então uma das últimas e maiores caças as bruxas já relatadas. Como em toda narrativa que se houve com o passar dos anos, as verdades envolvendo a história de Salém, acabou se tornando lenda contada de geração em geração, no entanto, é certo que muitas pessoas morreram condenadas por praticarem feitiçaria.
 

As Bruxas de Salém (The Crucible, 1996) conta a história de Abigail Williams (Winona Ryder), que junto com outras garotas, se reúne a noite para dançar e conjurar magias em uma fogueira sob o comando de uma escrava. Porém os desejos de Abigail são mais malignos dos que suas ingênuas colegas. Deseja a morte de Elizabeth Proctor (Joan Allen), mulher de John Proctor (Daniel Day-Lewis), o seu antigo amante. Numa noite de feitiçaria, elas são descobertas pelo Reverendo Samuel Parris (Bruce Davison), fazendo com que duas meninas, na manhã seguinte, fiquem inconscientes devido ao choque e ao medo de serem condenadas.
 
Bruxas1O episódio gera em Salém, o comentário de que as garotas pudessem estar sob influência do demônio, fazendo com que autoridades locais e religiosas cheguem ao povoado para começar uma espécie de investigação e julgar quem está ou não praticando bruxaria na vila. Na farsa de se converterem ao cristianismo, todas as envolvidas são perdoadas perante tribunal, e se tornam a peça chave no julgamento das pessoas que elas mesmas acusam de bruxaria, seja por influencia própria ou apenas para manterem-se a salvo de qualquer acusação. É nessa situação que Abigail encontrará uma chance de incriminar Elizabeth e deixar o caminho livre para seu grande amor.
 
Embora o foco seja direcionado em grande parte em Winona Ryder, até então uma atriz influente e muito cotada em Hollywood, o filme apenas se faz notável, importante e cativante devido a atuação de outros grandes atores como Daniel Day-Lewis, Joan Allen, Jeffrey Jones, Bruce Davison, Rob Campbell, Robert Breuler e George Gaynes.
 
Bruxas3
O fanatismo religioso e a justificativa de que o demônio se fazia presente em qualquer pessoa, é a locomotiva que move todos os personagens dessa era negra e histórica, fazendo inocentes serem mortos e acusados serem absolvidos. Em um jogo de sentimentos, a credulidade da lugar ao erro, o erro da lugar ao orgulho, o orgulho se transforma em remorso, e assim esses personagens se conduzem a medida que cada partícula de sua estabilidade social é destruída.
 
O filme foi baseado na peça de Arthur Miller, que também foi o roteirista do filme ganhando uma indicação ao Oscar. A história faz uma metáfora de uma época no qual os EUA perseguia comunistas, e que o próprio autor foi convocado a depor perante comitês investigativos.
 
Metáfora ou não, são situações que revertem a antigos momentos onde os sentimentos e interesses pessoais diziam muito mais que a razão e bom senso.