Poster A Estrada.indd Faz algum tempo que escrevi uma resenha do filme O Livro de Eli. Sobre um homem em um futuro devastado em que pelegrina em busca do seu objetivo. A Estrada do diretor John Hillcoat (A Proposta) não temos nenhum messias ouvindo uma voz o guiando em sua jornada. O que vemos é a luta de um pai em fazer o filho não cair em desespero diante de um mundo destruído e sem fé. Ou seja, sem nenhuma voz. Só o frio congelando seus dedos. Adoro filmes sobre futuros apocalípticos. Depois do caos, as temáticas que podem ser usadas são diversas. Desilusão, esperança, medo, coragem. Nem sempre temos uma visão otimista das pessoas. Ou o que elas fizeram com o planeta. Também motivos não faltam, pois com tantos erros que cometemos no passado continuamos tentando errar novamente. Na maioria das vezes a favor do dinheiro, imagine se fosse pela sobrevivência? 111 Baseado no romance de Cormac McCarthy (Onde os Fracos Não Tem Fez), temos a jornada de um pai e seu filho caminhando na esperança de encontrar uma vida melhor no litoral. Porém a estrada até seu destino será um teste de força, coragem e moralidade. Aonde que perder a fé como sua esposa (Charlize Theron) está fora de questão. Tudo em volta da bela fotografia de Javier Aguirresarobe. Se a fotografia é competente, a caracterização dos personagens é algo assustador de tão boa. Para se ter uma ideia, eu só fui ver que Robert Duvall apareceu na história, depois de prestar muita atenção. Está totalmente irreconhecível no papel de um velho cego. Sua participação é essencial para quem gosta de bons diálogos. 11
Não sou muito fã do Oscar, pois essa premiação visa muito mais o lado lucrativo do artista. Definindo o quanto ele ganhará depois de ser premiado. Sem desmerecer várias premiações que foram mais do que merecidas, porém acaba esquecendo certos atores com grandes atuações sem nenhuma explicação plausível como o caso de Clint Eastwood em Gran Torino. E vamos ver se Viggo Mortensen (o eterno Aragorn de O Senhor dos Anéis) será lembrado na próxima edição. Pois a sua entrega ao personagem é de corpo e alma. Que cada osso visível de seu corpo não me deixa mentir. E que cada tosse de sofrimento só me faz confirmar. Com a sua atuação quem ganhou um prêmio foram nós. Num cenário aonde sobreviver é o que resta, a estrada se torna cada vez mais longa.  The Road
EUA , 2009 – 111
Drama Direção:
John Hillcoat Roteiro:
Joe Penhall, Cormac McCarthy (livro) Elenco:
Viggo Mortensen, Kodi Smit-McPhee, Charlize Theron, Robert Duvall, Guy Pearce, Michael K. Williams, Garret Dillahunt Otimo photo Otimo.png