01 Adaptação é um dos filmes do diretor Spike Jonze. Brilhante diga-se de passagem e, para mim, o melhor trabalho de Nicolas Cage. E é de uma adaptação do livro Where The Wild Things Are de Maurice Sendak que surge a nova metáfora de Jonze. O livro é curtíssimo, tipo daqueles que as crianças vão na biblioteca escolar e o pega por causa das figuras grandes. Confesso que fui uma delas, mesmo nunca sendo muito fã de livros. Porém, junto com o romancista Dave Eggers, desenvolveram uma história própria para discutir sobre o amadurecimento, a infância e a família. Logo no ínicio conhecemos Max (Max Records) e em poucos segundos já podemos saber que é um garoto hiperativo ao guerrear com o seu cão e depois com os amigos da sua irmã. Nesse último caso, por causa da necessidade que toda a criança tem por atenção de quem ela ama. Principalmente quando o pai não está mais presente e a mãe tenta cuidar dos filhos, manter o trabalho e voltar a ter uma vida amorosa. 03 Porém Max não percebe o quanto sua mãe se esforça, e por um sentimento infantil de egoísmo começa a se rebelar, tendo seu limite quando vê sua mãe feliz com o namorado depois de ter a chamado para ver seu novo forte, nasce um medo de perder o seu lugar no coração dela. Então numa tentativa de se impor e mostrar seus sentimentos, acaba brigando com ela e fugindo de casa. E dessa fuga nasce uma jornada que irá mostrar ao pequeno Max onde moram os verdadeiros monstros de sua vida. Spike está inspiradíssimo nesse filme, como a fotografia de Lance Acord e a bela trilha sonora de Karen O. (vocalista do Yeah Yeah Yeahs). Juntando todos esses elementos e mais um belo roteiro, as aventuras e desavenças de Max com seus monstros, se tornam cenas memoráveis que nos mostram a importância de uma família. Se Max pensava que ninguém se preocupava com ele e quando encontrou um lugar onde todos o respeitava seria um sonho realizado, acabou percebendo que para se ter uma família unida, a pior solução é querer tudo para si. 04 E nesse conto nada infantil para o cinema, podemos perceber que o importante nas nossas vidas é saber valorizar as pessoas que amamos e nos amam. Sem egoísmo, sem vaidade, sem preconceito, desafiar os nossos monstros e aprender com eles o real significado do amor. Onde Vivem os Monstros (Where The Wild Things Are)
EUA , 2009 – 101
Drama / Fantasia Direção:
Spike Jonze Roteiro:
Spike Jonze, Dave Eggers, Maurice Sendak Elenco:
Max Records, James Gandolfini, Catherine Keener, Paul Dano, Catherine O’Hara, Forest Whitaker, Michael Berry Jr., Chris Cooper, Lauren Ambrose Otimo photo Otimo.png