Confesso deste já que sou um grande fã do gênero terror/suspense. Sou daquela geração que nasceu assistindo Sexta-feira 13 e A Hora do Pesadelo. Que fiquei surpreso com O Sexto Sentido e Identidade. Que apesar de parecer meio doentio, adoro assistir filmes como Jogos Mortais e Albergue. É tudo suco de tomate mesmo.

 

Eu lembro até hoje quando assisti o filme A Bluxa de Blair pela primeira vez, na madrugada do SBT. O filme estava fazendo o maior sucesso no boca-boca e já havia levado multidões ao cinema pela ótima campanha viral deixando a maioria das pessoas pensarem que aquela história fosse real. Mas o ponto forte do filme foi o método adotado de filmagem: Handcam. Tudo foi filmado em primeira pessoa, então o espectador era jogado para dentro do filme. E iria sofrer junto com seus personagens.

 

Ultimamente a maioria dos filmes de terror viraram cópias de outros filmes. Sempre havendo comparações ou aproveitando o sucesso do outro. Pouca coisa se salva, e uma das saídas para o gênero está sendo a Handcam. Depois de A Bluxa de Blair, surgiram novos filmes do estilo e, por sinal, de extrema qualidade como Cloverfield e Diário do Mortos. E já recomendo esses dois agora mesmo. Mas agora vou recomendar outro filme: lançado em 2007, ganhando uma versão americana com o nome Quarentena, o terror espanhol Rec chega agora as locadoras brasileiras para trazer o medo as nossas casas ou hóteis.

 

 

Dirigido por Jaume Balagueró e Paco Plaza, acompanhamos uma repórter, Ángela Vidal, e seu camera, Pablo, num programa de TV chamado “Enquanto você dorme”. Eles estão gravando o cotidiano de um corpo de bombeiros. Quando aquela noite parece não dar em nada, a equipe recebe um chamado e os dois vão atrás de uma ótima matéria. Chegando no hotel, um desconhecido vírus ataca os moradores e o prédio é lacrado pela polícia. Prendendo-os com algo mais terrível que o Diabo.

 

O roteiro se desenvolve dando pequenas pistas e muitos sustos no decorrer da história. Confesso que fiquei tenso o filme inteiro, não consiguia piscar ou pelo menos respirar durante os gritos de horror dos personagens. Tentando desvendar o mistério que envolve o hotel através da camera de Pablo, que não a desliga nem nos momentos mais dificeis. Porém se você estiver pensando qua a película é só sustos, gritaria e mortes(temporárias) está enganado. É tudo isso e muito mais, como o xenofobismo do espanhol com os chineses.

 

Se você sente falta de bons filmes de terror, então não perca tempo e vá até a locadora mais próxima assistir Rec. Antes que alguém grave a sua morte.

 

04-otimo

 

Trailer: